Quem sou eu


7 de abril de 2012

Tirando o pó do Blog

Gente do céu! Cof cof! O que é isso? Cof cof? Quanta poeira, meu deus?! rsrs! Deixe-me abrir as janelas, para deixar o ar e o sol entrarem, xô pegar o espanador e dar uma geral por aqui rsrsrs! Quanto tempo fiquei sumida, não é mesmo? Juntou tudo: algumas coisinhas que aconteceram, preguiça, mais preguiça, mais preguiça ainda... O meu lema quando criei esse blog foi: Nunca escreva alguma coisa por obrigação. Escreva o que tiver vontade, quando tiver vontade... Quem tiver saco pra ler, que leia. Quem quiser me deixar um carinho aqui, que deixe. Serão todos/as bem-vindos/as! Adoro quando alguém vem aqui e me dá moral ;D!! 

Quero contar uma coisa pessoal, que acho que talvez possa servir de lição pra alguém. Resumidamente, beeeem resumidamente mesmo, em dezembro descobri um nódulo em meu peito durante um exame aqui em minha cidade (Catalão-GO). Desesperadas, eu e minha mamis corremos pra Goiânia, fiz exames, chorei, perdi muitos cabelos com tanto estress (cada lavada de cabelo eram duas choradas: uma pela situação angustiante e outra pelo fato de os cabelos caírem bastante, por essa mesma situação angustiante), mamão apertado, amassado, beliscado, espetado (sim, espetim de peito, qm já passou por isso, sabe o que estou falando rsrs), fiquei pronta pra operação. Dei "sapituca" na sala de cirurgia, pois tenho claustrofobia, foi quase um "Me tira daqui! Eu quero sair daqui!!!!", mas na verdade, foi mais um "Doutora, tô passando mal, tô com falta de ar, me "apaga" logo, por favor!!!" kkkkkkk! Eu rio agora, né... Na hora, teve graça nenhuma. Então operei, esperei uns dias pro resultado da biópsia sair. Durante esse tempo, parece que você não está vivendo, sai do seu corpo, vc já chorou tudo o que podia, já tentou ficar otimista o máximo que conseguiu e entra num estado meio de "piloto-automático", sabe? Se vc não sabe, que bom. Se você já passou por isso, me entende. Daí veio o dia em que Deus, o meu paizão, me deu um presente, O Presente de Natal e Ano Novo: nódulo BENIGNO! Natal e Ano Novo estressantes, angustiantes - parecendo o ápice da trama de uma novela - foram recompensados com uma Bênção enrolada numa enorme fita Cor de Rosa pra mim. Presentão pra mim, pra minha mamis, pra família e amigos. Tentei esconder ao máximo a situação (pelo menos até eu saber o resultado), mas não deu muito certo. Mas agradeci e agradeço até hoje a todo mundo que me deu forças, orou por mim, mandou boas vibrações. E foi isso. Dei uma pausa no blog por isso, pela correria, pela preguiça, pelo youtube e pelos livros. Como já disse, escrevo quando tenho vontade, é mais gostoso quando não fazemos as coisas por obrigação.

Enfim, gostaria de falar pra vocês resumidamente messssmo o quanto eu sofri, o quanto foi intenso e que Deus me deu uma lição: Levar as peitcholas para serem analisadas, não importa a idade que tenha, mesmo que seja novinha como eu (cof cof!) - tenho 28 aninhos e farei 29 no dia 16 abril, manda presente pra mim rsrs- que tenha peitinho, peito, peitão, melancia. CUIDE-SE. CUIDE-SE. CUIDE-SE.

Meu recado tá dado, espero que não tenha entrado por um ouvido e saído pelo outro, ou seria melhor, não tenha entrado por um olho e saído pelo outro?! kkkkk!

Tudo de bom pra vocês, obrigada pelas visitas - são poucas, mas as estimo muito - aqui em meu mundinho.

Beijão grande, boas vibrações e fiquem com Deus! :-)



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 comentários:

Look Day disse...

Nossa quanto tempo hein, nossa que susto hein querida, que bom que era benigno.

Beijos.

Betty Gaeta disse...

Oi Denise,
Chorei ao ler o seu post, pois passei por isto em 2009 e o meu era maligno. Não vou continuar escrevendo pq estou chorando e estou no serviço, não quero que ninguém note.
Beijos 1000 e uma ótima semana para vc.

www.gosto-disto.com

Menina Veneno disse...

Olá, Betty! Espero que tenha se emocionado de alegria e não de tristeza. De alegria de ter vencido a doença e estar bonita e saudável hoje. Você está bem agora, não é? Espero que sim. Eu já sabia que você tinha passado por esta situação tão difícil quando comentou por alto em um de seus posts. Acho que vc falou que iria fazer uma plástica, não me lembro direito. Tive vontade de falar sobre isso pra ver se alguém lê e tente se cuidar mais. Pra te confessar, eu nunca tinha deixado meu ginecologista fazer o toque de mama. Já achava tão difícil ter que mostrar lá embaixo, não iria deixá-lo me tocar em cima rsrs. Eu mesma, de vez em quando, fazia os toques em mim. Interessante que um tempo antes de ter descoberto o caroço, eu havia apalpado meu seio e sentido ele, mas pensei que fosse coisa da minha cabeça, que fosse só um dos glândulos da mama mesmo e aí nem dei importância. A minha doutora falou que é muito comum as mulheres confundirem caroços com glândulas e vice-versa. Por isso que a avaliação de um ginecologista é importante, pois o mesmo sabe diferenciar. Graças a Deus eu quis dar uma turbinada nos seios. Se não fossem os exames preparatórios, acho que não teria descoberto o nódulo tão cedo. Já passei por uma situação semelhante alguns anos atrás: tive um nódulo na tireóide e tive que operar. Tirei metade dela mais o istimo. Graças a Deus foi benigno tbm. Fiquei bastante preocupada pois na minha família muita gente teve câncer. Uma vó morreu de câncer na coluna, uma tia morreu de câncer de mama e outros tios venceram a doença. Não é brincadeira, devemos nos cuidar sempre. Qdo estava na sala de espera de uma clínica de mastologia em Goiânia, olhei em volta e vi aquelas mulheres tristes. Todas tristes, apreensivas. Todo mundo passando por uma situação difícil. Orei tanto pra Deus me livrar disso, mas eu disse que não sou melhor que ninguém, então se tivesse nos planos dele que eu deveria ter que passar por esse pesadelo, que eu acataria a decisão dele. Expus a MINHA vontade, mas falei pra Ele que tentaria me resignar se a vontade d'Ele fosse diferente da minha. Às vezes não entendemos Suas vontades, mas pra tudo tem um porquê, mesmo que não saibamos o propósito disso em vida. Minha mãe tem o seio cheio de nódulos benignos. Antes de sabermos o resultado deles, eu sofri muito. Meu coração se despedaçou. Fazendo uma comparação entre ela e eu, é lógico que sofri MUITO mais por ela. O ruim é que ela não quer ir de novo pra Goiânia pra acompanhar, vc não sabe o quanto fico apreensiva com isso. Acho que mães às vezes não imaginam o quanto nós, filhas, nos preocupamos com elas... e muito mais do que com nós mesmas. Parece que você tem uma filha, se me lembro bem. Posso imaginar, entender tudo pelo que ela passou. E espero que a senhorita esteja se cuidando direitinho, fazendo exames regularmente... Desculpe pelo desabafo, viu... Fui escrevendo, escrevendo, escrevendo e nem vi o quanto havia escrito.
Tenha uma belíssima semana and stay happy and healthy!
;)

Betty Gaeta disse...

Oi Denise,
Ando numa fase chorona e estou chorando de novo. Obrigada pelo seu depoimento no meu blog...
Não ligue, sou chorona profissa!
:)
Beijos 1000 e uma ótima 4ª-feira para vc.

www.gosto-disto.com

PRODUTINHOS NO CABELO AND MAKEUPS disse...

Ola querida! Que força a sua!!!

Que superação, principalmente nas épocas de festas! E que sua fé exploda ainda mais, é por isso que esta aqui contando pra gente tudo que lhe aconteceu, porque sente-se forte para a luta, sentiu a vitória e esta andará sempre contigo!!

Beijo Grande!
Lucy

Menina Veneno disse...

Obrigada pelas palavras de carinho, Lucy! Amém amém amém!
Tenha uma abençoada semana! <3
bjão! =*

Menina Veneno disse...

Foi um susto mesmo, Stéphanie! Obrigada pela visita!

bjinhos =*

Send me a letter!

denisebongiovi@yahoo.com.br

Selinho! =*